terça-feira, 29 de março de 2011

Deixe-se surpreender!

Há diversas coisas que colorem a vida. Uma delas é a surpresa. Surpreender-se é ter resultados vindos do inesperado, do improvável, do desconhecido.
Pode ser uma música de uma banda que você nunca ouviu, mas que te transporta para um universo de sons inexplicavelmente mágico...
Pode ser um abraço de alguém que você se quer sabia que te enxergava...
Pode ser um olhar atento daquele a quem você admira, e se sentir admirado...
Pode ser o voto de confiança de alguém quase desconhecido, mas que faz com que você se sinta importante para o mundo daquela pessoa...
Pode ser o experimentar de um doce, que aguça seu paladar para o novo...
Pode ser a constatação de que aquilo que um dia te fez chorar já não tem mais tanta importância assim...
Pode ser a certeza de que alguém compartilha dos seus medos, e isso te confortar...
Pode ser um reencontro com aquele velho amigo, que te faz ver que algumas coisas não mudam nunca...
Pode ser um contato com você mesmo em uma atitude diferente, que te mostra seu amadurecimento...
Pode ser ouvir uma crítica fundamentada, que te lembra que ainda há muito a concertar e aprender...
Pode ser a chegada da saudade que entra pela janela, que te faz entender o quanto alguns laços são eternos...
Pode ser a chegada de notícias de alguém que está longe, que te mostra que você é lembrado por quem realmente importa...
Pode ser um sopro tímido e certeiro ao pé do ouvido, que te mostra que você nunca está, de fato, sozinho...

4 comentários:

  1. Muito bom esse texto, parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Que lindo! Suas palavras me fazem viajar pelos meus pensamentos! Um momento de enorme prazer é ler seus textos aqui no blog! =) Simplesmente encantador!

    ResponderExcluir
  3. Pode ser como ouvir um CD em reprodução aleatória: uma surpresa a cada música!
    Nos permitir a surpresa nos mostra o quanto a vida é mais interessante do que a nossa rija rotina!
    Lúcido e encantador o seu texto!

    ResponderExcluir
  4. Obrigada pelo "Bons Perfumes"...
    lisongeia-me!

    ResponderExcluir